cabecalho apta130219

Usinas no interior de São Paulo viram atração turística

O interesse de estrangeiros pelo etanol só vem aumentando e já transformou as usinas em atrações turísticas. Co-fundadores do site de buscas Google, Larry Page e Sergey Brin vieram ao País em janeiro e visitaram a Cosan, no interior de São Paulo, para ver como é produzido o biocombustível. O empresário americano Dan Slane, que produz etanol à base de milho nos Estados Unidos, conheceu usinas de Ribeirão Preto, com o mesmo objetivo, em fevereiro. No mesmo mês, um grupo de holandeses combinou carnaval no Rio e visitas aos produtores de açúcar e álcool em São Paulo. Eles estudam importar a tecnologia ou montar indústria no País em parceria com os agricultores brasileiros. Até postos de combustível brasileiros foram visitados pelo bilionário indiano radicado nos EUA Vinod Khosla, em abril. Para ele, o País é um "exemplo de independência energética". Investidor em pesquisa no setor, ele está empenhado em produzir álcool a partir de celulose. O álcool brasileiro ganhou fama mundial depois que o presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, citou, em seu tradicional discurso à nação, em janeiro, o sucesso dos carros bicombustíveis no Brasil como uma boa alternativa para "acabar com o vício americano em petróleo". O americano Bill Gates, da Microsoft, já é um dos grandes investidores de seu país no combustível. Colocou US$ 84 milhões na Pacific Ethanol Inc., uma distribuidora e usina de etanol na Califórnia
Pin It

Notícias por Ano