cabecalho apta130219

SECRETARIA APRESENTA AÇÕES DURANTE A 8ª AGRIFAM

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado, como já é tradição, leva seus produtos e serviços para a Feira da Agricultura Familiar e do Trabalho Rural (Agrifam), que está na sua oitava edição. O evento, que começa nesta quinta-feira (4de agosto), às 8 horas, e segue até sábado, em Agudos (região de Bauru), tem abertura oficial agendada para as 10 horas. A secretária Mônika Bergamaschi e o adjunto, Alberto Macedo, estarão presentes.
Realizada pela Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de São Paulo (Fetaesp), a Agrifam é a oportunidade de a Pasta, outros órgãos de Governo, entidades e empresas estarem próximos desse importante segmento do agronegócio paulista que, segundo cálculos da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral da Secretaria (Cati), soma cerca de 150 mil unidades de produção agropecuária num total de 324 mil (ou seja, quase 47%).
Além do trabalho habitual em pesquisa, extensão rural, sanidade animal e vegetal, executado especialmente pelas regionais espalhadas em todo o Estado, dos trabalhos em crédito e seguro rural, a Secretaria tem ainda diversas ações que se aplicam à agricultura familiar. Algumas delas serão mostradas durante o evento, no estande e outras partes da feira.
Materiais institucionais serão disponibilizados e publicações colocadas à venda. O executivo público do Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista (Feap), Guilherme Mattos Araújo, fará uma palestra sobre linhas de crédito na sexta, às 9h30. O Conselho Estadual de Desenvolvimento da Agricultura Familiar (Cedaf) também estará representado, para sanar as dúvidas dos visitantes.
A Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios da Pasta (Apta) leva alguns de seus institutos para a Agrifam: o Agronômico (IAC) apresentará sementes de maracujá para venda e cultivares de grãos e fibras; o Biológico (IB) terá o pesquisador Miguel Francisco de Souza Filho no local, na sexta, às 11 horas, ministrando uma palestra sobre o Programa de Sanidade em Agricultura Familiar (Prosaf); o Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital) colocará para degustação geleia e compota de frutas, doces produzidas durante um dos cursos oferecidos para pequenas empresas, com o objetivo de despertar o interesse para a agregação de valor.
A Apta Regional também participa: a Unidade de Pesquisa e Desenvolvimento (UPD) de Itararé mostra os cultivares e clones novos de batata, frutos de pesquisas que incluem melhoramento genético, diminuindo a suscetibilidade a doenças, por exemplo, e potencializam o cultivo no sistema orgânico e agroecológico; o Polo Leste Paulista, que tem sede em Monte Alegre do Sul, apresenta o cultivo de morangos em sistemas sem solo em ambiente protegido, uma alternativa em termos de espaço, produção e produtividade; o Polo Médio Paranapanema (sede em Assis) coloca ramas de mandioca para venda.
A Cati tem uma área de pastejo rotacionado, expõe sementes e mudas, presta atendimento direto ao produtor. Num espaço independente dentro da feira, reunirá associações de produtores que vendem produtos in natura, industrializados e artesanatos. Também vai lançar um boletim técnico de goiaba e dará apoio na área de atendimento aos quilombolas.
A Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios (Codeagro) vai conduzir os trabalhos no sítio-modelo, além de ter um balcão no estande. O Instituto de Cooperativismo e Associativismo (ICA) terá uma estufa e um posto de atendimento para divulgação dos trabalhos; as Câmaras Setoriais divulgarão seus trabalhos, chamando os agricultores a participar e colaborar na criação de políticas públicas para as diversas cadeias produtivas.
O Centro de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável (Cesans), em parceria com Fundo de Solidariedade, terá uma agroindústria de pães artesanais, vai distribuir receitas, proporcionar degustação e ministrar cursos de pães artesanais, com distribuição de apostilas aos participantes. Eles estão agendados para as 11 e 15 horas de quinta e sexta; e às 10h30 e 14 horas de sábado.
A Coordenadoria de Defesa Agropecuária (CDA) realiza plantão técnico para tirar dúvidas de produtores a respeito de raiva, brucelose, tuberculose e greening.
Texto/Atendimento:
Assessoria de Comunicação/Secretaria
Adriana Rota
Tel.: (11) 5067-0069
Acompanhe a Secretaria:
www.agricultura.sp.gov.br
www.agriculturasp.blogspot.com
www.twitter.com/agriculturasp
www.flickr.com/agriculturasp
www.youtube.com.br/agriculturasp
www.facebook.com
www.delicious.com/agriculturasp
www.orkut.com.br

Pin It

Notícias por Ano