cabecalho apta130219

Reunião técnica apresenta novas tecnologias de trigo e outros cereais de inverno em Capão Bonito

O Pólo Sudoeste Paulista/APTA e o Instituto Agronômico (IAC-APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, realizam, no dia 26 de agosto em Capão Bonito (SP), a “IX Reunião Técnica de Cereais de Inverno”. O evento, que tem o apoio das empresas Basf, Bayer e Syngenta, é destinado a agricultores, engenheiros agrônomos, técnicos de moinhos e cooperativas, pesquisadores e estudantes de agronomia.   
O objetivo do encontro, coordenado pelos pesquisadores João Carlos Felício e Edison Ulisses Ramos Junior, é divulgar o potencial de rendimento e qualidade industrial de novas variedades de trigo (IAC-380 e IAC-381); fornecer informações sobre a aveia  branca no Sudoeste Paulista; apresentar avaliação em São Paulo e no Paraná de cultivares de trigo e triticale (fruto do cruzamento artificial de trigo com o centeio); e dar um panorama da cevada no Estado de São Paulo.
Para aproveitar o inverno rigoroso e as terras após o cultivo do milho safrinha, são plantadas na região Sudoeste do Estado culturas como trigo, aveia preta (silagem), aveia branca (silagem ou processamento industrial), cevada (fabricação de cerveja) e triticale (exclusivamente para alimentação animal). Assim, as pesquisas desenvolvidas pelo Pólo Regional Sudoeste Paulista e pelo IAC buscam obter principalmente novas variedades mais eficientes (mais produtivas, resistentes a doenças e pragas, etc.), com o propósito de estimular a produção de grãos no período de inverno.
No caso da aveia branca, por exemplo, pesquisas com melhoramento genético visam à obtenção de novas cultivares melhor adaptadas às condições de clima e solo tanto de São Paulo quanto de Estados vizinhos. A aveia branca é destinada à indústria de produtos alimentícios, por apresentar maior teor de proteínas e constituir importante fonte de vitaminas. Os trabalhos de melhoramento genético da aveia procuram obter novas cultivares com maior potencial produtivo em relação aos disponíveis,  mais  resistentes  às  doenças (principalmente ferrugem das folhas e vírus do nanismo amarelo da cevada), colmos grossos e resistentes ao acamamento, precoces e com melhores características tecnológicas e nutricionais.
Quanto à cevada, as pesquisas buscam, por meio do melhoramento genético, obter novas cultivares melhor adaptados às condições de clima e solo do Estado de São Paulo e de outras regiões do país, com maior produtividade, resistência às principais doenças e pragas, tolerantes à acidez do solo (principalmente ao alumínio tóxico) e possuidoras de melhores qualidades tecnológicas e nutricionais. Além da indústria cervejeira, o grão é utilizado na produção de farinhas ou flocos para panificação, medicamentos e produtos dietéticos e de sucedâneos de café. Também é empregada na alimentação animal como forragem verde e na fabricação de ração.
Já o triticale destina-se principalmente à alimentação animal, além da produção de biscoitos, pães caseiros, massa para pizza e produtos dietéticos.
Outras informações podem ser obtidas pelos telefones (15) 3542-1310/1708 ou pelo e-mail polosudoestepaulista@apta.sp.gov.br

PROGRAMAÇÃO:
8h – Inscrições
8:30h – Palestra: Processos em caracteres agronômicos das linhagens de Aveia Branca no Sudoeste Paulista – Marcio Akira Ito, pesquisador do Pólo Sudoeste Paulista/APTA
8:50h – Avanço tecnológico Bayer CropScience
9h – Novas cultivares de Trigo IAC (IAC-380 e IAC-381) – João Carlos Felício, pesquisador do IAC/APTA
9:20h – Avaliação da qualidade industrial de trigo – Anaconda Industrial e Agrícola de Cereais S.A.
9:40h – Avanço tecnológico Syngenta
9:50h – Intervalo
10h – Panorama atual da cultura da cevada no Estado de São Paulo – Vilson de Vecchi, do DSMM/CATI – Avaré – SP
10:20h – Avanço tecnológico BASF
11:45h – Avaliação de cultivares de trigo e triticale em São Paulo e Paraná – Rudimar Molin, da Fundação ABC – Castro (PR)
12h – Almoço
13:30h – Visita aos módulos e experimentos de campo.

Assessoria de Comunicação da APTA
José Venâncio de Resende
(11) 5067-0424

Acompanhe a Secretaria de Agricultura no Twitter 

Pin It

Notícias por Ano