cabecalho apta130219

Ovinocaprinocultura já tem Câmara Setorial em São Paulo

Embora a ovinocaprinocultura venha aumentando sua participação no agronegócio brasileiro, e a tendência seja de que esse quadro se mantenha em expansão, ainda existem desafios que devem ser superados ou aprimorados pela cadeia produtiva de caprinos e ovinos, como a falta de informação sistematizada sobre o setor; acesso a diagnóstico, insumos e assistência técnica especializada; cadastro de criadores; programas sanitários específicos; crédito compatível; desarticulação da cadeia; tecnologias adequadas (genética, manejo sanitário); sazonalidade da produção; e qualidade dos produtos. Por isso a importância de se criar esta Câmara Setorial, o que ocorreu já em dezembro de 2006. Em prol do setor O início da criação da Câmara Especial de Caprinos e Ovinos do Estado de São Paulo partiu do presidente da ASPACO - Associação Paulista de Criadores de Ovinos, Arnaldo dos Santos Vieira Filho, há quase um ano. Ele buscou e alcançou o apoio da Associação Paulista dos Criadores de Caprinos (CAPRIPAULO) e dos demais integrantes da cadeia produtiva, desde empresários até da área governamental. O lançamento oficial, em 08 de dezembro de 2006, contou com a participação do então Secretário Estadual da Secretaria da Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Alberto Macedo. O objetivo desta nova câmara é definir parâmetros e medidas para o desenvolvimento e o fortalecimento da ovinocultura e do Estado de São Paulo. Para o secretário Alberto Macedo, a Câmara tem papel fundamental para o bom desempenho do setor. “A ovinocaprinocultura é uma atividade pecuária crescente em nosso Estado. Com a criação deste novo fórum, que une produtores, cooperativas, técnicos e empresários, a cadeia produtiva irá dar um salto em eficiência, conseguindo atender os consumidores com produtos de melhor qualidade, promover a competitividade e garantir a distribuição dos lucros de forma igualitária a cada um dos elos da cadeia” afirma. De acordo com o Presidente da Associação Paulista de Criadores de Ovinos (ASPACO), Arnaldo dos Santos Vieira Filho, os desafios iniciais que a Câmara encontrará estão ligados a articulação das cadeias produtivas e linhas de atuação específicas para estas atividades. “Queremos superar os entraves e aprimorar as cadeias produtivas de caprinos e ovinos, buscando sistematizar as informações sobre o setor; o acesso a diagnóstico, insumos e assistência técnica especializada”, explica.(fonte: ASPACO Assessoria de Imprensa)
Pin It

Notícias por Ano