cabecalho apta130219

Instituto Biológico treina empresas de controle biológico de natureza fúngica

O controle biológico de natureza fúngica será tema de treinamento sobre “Determinação de concentração e viabilidade de bioprodutos baseados em entomopatógenos” que o Instituto Biológico (IB-APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, realiza no dia 30 de março, em Campinas. O evento, destinado a empresas produtoras de agentes de controle biológico, atende a demanda do setor produtivo de microrganismos controladores de pragas, cuja representante é a Associação Brasileira das Empresas de Controle Biológico  (ABCBio) que congrega  17 empresas nacionais.
Esta será uma oportunidade de atender demanda específica deste setor do agronegócio, quanto às análises de controle de qualidade desses biocontroladores, diz o pesquisador Antonio Batista Filho, diretor geral do IB. “A padronização dos testes de controle de qualidade de bioinseticidas é uma preocupação tanto das empresas do setor (Biofábricas) quanto das instituições que atuam em pesquisa na área.” 
O assunto, conta Batista Filho, vem sendo discutido pela rede “Entomofungo”, que reúne especialistas de diferentes estados brasileiros, de forma a oferecer propostas junto às organizações privadas e também ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), referentes à harmonização de procedimentos.  Alguns desses especialistas também estarão presentes ao evento.
O Laboratório de Controle Biológico do (LCB) do IB, local do evento, comemora, em 2010, quarenta anos de sua criação, voltada para a pesquisa e prestação de serviços com agentes biocontroladores de pragas. Em 2009, o LCB obteve certificação NBR ISO 9001:2000 para o escopo “Análise qualitativa e quantitativa de bioinseticidas à base de fungos entomopatogênicos”. O gerente setorial da qualidade é o pesquisador científico José Eduardo Marcondes de Almeida.  Modernizado e certificado, o LCB está integrado ao Sistema de Gestão da Qualidade do IB e sua equipe sintonizada às demandas dessa área estratégica para contribuir com alternativas sustentáveis para o agronegócio.
Durante o evento, os participantes terão a oportunidade de acompanhar passo a passo todo o processo de avaliação da qualidade, envolvendo concentração, contaminação e viabilidade de diferentes formulações de biocontroladores. As empresas podem enviar seus produtos, com antecedência, para avaliação no local.
Outras informações podem ser obtidas com o pesquisador José Eduardo Marcondes de Almeida pelo e-mail jemalmeida@biologico.sp.gov.br ou pelo telefone (19) 3252.2942.
Assessoria de Comunicação da APTA
José Venâncio de Resende
Maitê Laranjeira (estagiária)
(11) 5067-0424
Acompanhe a Secretaria de Agricultura:
www.agriculturasp.blogspot.com
www.twitter.com/agriculturasp
www.youtube.com.br/agriculturasp

 


 

Pin It

Notícias por Ano