cabecalho apta130219

Inflação no campo: preços agrícolas sobem 3,50% na terceira quadrissemana de março

O índice quadrissemanal de preços recebidos pela agropecuária paulista (IqPR) aumentou 3,50% na terceira quadrissemana de março de 2008, segundo análise do Instituto de Economia Agrícola (IEA-APTA) da Secretaria de Agricultura e Abastecimento. Os produtos de origem vegetal (IqPR-V) e animal (IqPR-A) apresentaram variação positiva, respectivamente, de 4,35% e 1,39%. As principais altas do IqPR foram registradas nos preços do tomate para mesa (89,22%), da laranja para mesa (22,20%), da banana nanica (20,44%), dos ovos (12,43%), da carne suína (7,57%), do trigo (6,78%) e da soja (4,18%). O aumento no preço do tomate de mesa reflete a entrada no mercado de uma variedade de melhor qualidade, que contribui para a elevação do preço. No caso do café, a alta acompanhou a cotação do mercado internacional no período analisado. O aumento no preço da laranja para mesa deve-se às elevadas temperaturas que influenciaram negativamente a produção, associadas ao período de entressafra. Para a banana nanica, o maior consumo, principalmente com o início das aulas, e uma ligeira diminuição da oferta foram responsáveis pelo aumento do preço no período. A alta no preço dos ovos decorre do abate das poedeiras, o que acarretou a diminuição da oferta do produto, associado ao período de quaresma e início do ano escolar quando há um aumento do consumo. Apesar desse aumento, porém, há uma reversão da tendência de alta, com variação nesta quadrissemana abaixo das variações verificadas nas semanas anteriores. As maiores quedas nos preços foram verificadas no amendoim (10,86%), na carne de frango (9,74%), no milho (2,15%) e no leite tipo C (1,84%). O recuo nos preços do amendoim e do milho deve-se ao período de colheita. Quanto à carne de frango, a boa oferta do produto é responsável pela baixa no preço pago ao produtor. Os autores da análise quadrissemanal do IEA são os pesquisadores Eder Pinatti (pinatti@iea.sp.gov.br), Raquel Castellucci Caruso Sachs (raquelsachs@iea.sp.gov.br), José Alberto Angelo (alberto@iea.sp.gov.br) e José Sidnei Gonçalves (sydy@iea.sp.gov.br). Análise completa está disponível no site www.iea.sp.gov.br. Por José Venâncio de Resende, Do Gabinete da APTA
Pin It

Notícias por Ano