cabecalho apta130219

IB doará 214 quilos de café ao Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo

Um total de 214 quilos de café arábica será doado pelo Instituto Biológico (IB-APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, ao Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo (Fussesp), em cerimônia que será realizada no Palácio dos Bandeirantes, na Capital, em 15 de dezembro de 2017, às 8h30. Os cafés colhidos no cafezal urbano do IB, localizado na Vila Mariana, serão distribuídos a entidades assistenciais do Estado ligadas ao Fussesp. A entrega dos cafés será realizada durante a 15ª Edição Especial dos Melhores Cafés de São Paulo, evento que contará com a participação do governador Geraldo Alckmin e da primeira-dama e presidente do Fussesp, Lu Alckmin.
Ao todo, o IB doará 856 pacotes de 250 gramas. Antonio Batista Filho, diretor-geral do Instituto, lembra que a parceria entre o IB e o Fundo existe desde 2009. “Com essa iniciativa podemos contribuir com as instituições que atendem aqueles que mais precisam. Estamos distribuindo um produto de alta qualidade, orgânico, produzido em um centro de pesquisa de excelência”, afirma. Em 2016, o Instituto doou 82 quilos de café ao Fussesp. O aumento expressivo deste ano é reflexo da poda das plantas e da bienalidade da cultura.
O Instituto Biológico completou 90 anos de atuação em 2017. Fundado após pesquisadores paulistas terem sucesso nos estudos relacionados à broca, uma praga que dizimou os cafezais paulistas, o Instituto mantém um dos maiores cafezais urbanos do Brasil, com dois mil pés de café, localizado no coração da cidade de São Paulo, a cinco minutos do Parque Ibirapuera. “O cafezal urbano do IB tem hoje uma função educativa”, diz o diretor-geral do IB.
Todos os anos, o Instituto abre suas portas no mês de maio para que a população tenha a oportunidade de colher o café no pé. O evento, chamado de Sabor da Colheita, marca o início da safra do grão em São Paulo.
Além deste evento, a população e, principalmente, estudantes e pesquisadores, podem visitar o cafezal urbano durante todo o ano, mediante agendamento prévio. O cafezal faz parte do projeto Ciclos Econômicos Agrícolas do IB, que tem o objetivo de mostrar a importância econômica e histórica dos ciclos agrícolas brasileiros. O público tem a oportunidade de conhecer in loco culturas como café, pau-brasil, seringueira e cana-de-açúcar. “O IB preserva exemplares dessas culturas como forma de contribuir para que o aprendizado sobre a base histórica da economia brasileira seja realizado de forma mais interessante e ilustrativa”, explica Batista. O projeto existe desde 2006 e já recebeu em torno de 20.000 pessoas.
“O cafezal urbano do IB tem uma importância histórica e educativa muito grande. Essa doação é uma forma ajudar as entidades paulistas e também de aproximar a população de nossos Institutos, uma recomendação do governador Geraldo Alckmin”, afirma Arnaldo Jardim, secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.
Por Fernanda Domiciano
Assessoria de Imprensa – APTA
19 2137-8933

Pin It

Notícias por Ano