cabecalho apta130219

Granja Bandeirantes visita laboratório de análises de qualidade de ovos da Secretaria de Agricultura e Abastecimento

Para conhecer a rotina laboratorial e de pesquisa em avicultura de postura, a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo recebeu alunos do Instituto Federal Goiano – Campus CERES Goiás e o representante da Granja Bandeirantes no Laboratório Avançado de Aves e Ovos (LAVIZ), do Instituto de Zootecnia (IZ/APTA).

O LAVIZ analisa a qualidade de ovos comercias – férteis e inférteis; sistemas de produção de aves poedeiras – galinhas ou codornas; indicadores de saúde intestinal – vilosidades e microbioma; dietas; substitutivos a antimicrobianos; e indicadores de bem-estar animal.

Os pesquisadores do IZ, José Evandro de Moraes e Carla Cachoni Pizzolante, expuseram as atividades de pesquisa e também as atividades laboratoriais com qualidade de ovos por meio do equipamento DET6000-EGGTESTER.

Segundo José Evandro, o trabalho de análise da qualidade de ovos com a granja é recente. “Essa parceria possibilitou aos estagiários conhecerem os trabalhos com avicultura de postura e, com isso, repassar os conhecimentos técnicos das atividades da Instituição.”

Os visitantes ainda conheceram algumas atividades realizadas no laboratório, como a forma de preparo e avaliação de intestino delgado; avaliação de indicadores de bem-estar, como avaliação de lesões de patas, crista, quilha, cloaca e empenamento. O pesquisador mostrou a técnica de determinação de imunoglobulinas (IGY) na gema de ovos; abordou sobre a avaliação de diferentes sistemas de produção de aves de postura – gaiolas, piso e com acesso a piquetes com vegetação –; além de falar sobre ambiência e biossegurança de granjas de produção.

O engenheiro agrônomo da Granja Bandeirante, Murilo Maschietto, trouxe os alunos de zootecnia do Instituto Federal Goiano – Campus CERES Goiás, Felipe Oliveira Rocha, Yuri Lima dos Santos e Thalles Henrique de Oliveira, estagiários na empresa, para conhecerem a pesquisa científica do IZ em avicultura, possibilitando saber mais sobre o outro lado da produção avícola.

Os visitantes ainda conheceram o curso de pós-graduação do IZ em “Produção Animal Sustentável”, biblioteca e auditório, no Centro de Comunicação e Transferência do Conhecimento (CCTC).

Murilo Maschietto disse que apesar de morar e trabalhar em Nova Odessa, não conhecia e ficou surpreso com as atividades e a infraestrutura do IZ. “Conheci mais profundamente o IZ a partir da parceria com o Laboratório Avançado de Aves e Ovos”, afirma.

Murilo enfatizou a importância de divulgar e interagir ainda mais o Instituto na cidade, “para a sociedade compreender a importância do IZ tanto na sua grandeza física, como na sua abrangente área de atuação”.

Os pesquisadores Evandro e Carla destacaram que “visitas como estas são de suma importância para divulgação das atividades de pesquisa, ensino (pós-graduação) e prestação de serviços do IZ”.

Por Lisley Silvério (MTb. 26.194)

Assessoria de Imprensa – IZ

Pin It

Notícias por Ano