cabecalho apta130219

Exportações de cooperativas brasileiras cresceram 25,7% em 2006

As cooperativas brasileiras exportaram US$ 2,8 bilhões no ano passado, crescimento de 25,7% ante 2005, quando foram exportados US$ 2,2 bilhões. O volume exportado pelas cooperativas também cresceu. Em 2005 foram 6,5 bilhões de toneladas. No ano passado foram 7,5 bilhões de toneladas, 15,5% a mais. Novamente as cooperativas paulistas encabeçam a lista: foram responsáveis por 39,5% do total exportado, ou US$ 1,1 bilhão. Os dados foram divulgados no mês passado pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Em relação a 2005, quando foram exportados US$ 762 milhões, as exportações das cooperativas do Estado de São Paulo aumentaram 46,8%. O açúcar continuou na liderança da pauta de exportações do Estado, representando 24,6% do total. O álcool das cooperativas teve uma variação positiva de 104%, passando de US$ 180 milhões em 2005 para US$ 367 milhões em 2006. Soja, frango congelado e café também se mantêm no ranking dos principais produtos exportados. Para o presidente da Organização das Cooperativas do Estado de São Paulo (Ocesp), Edivaldo Del Grande, os resultados demonstram que, apesar dos problemas enfrentados pelos produtores rurais no ano passado, as cooperativas mostraram que têm força. Para 2007, avalia, a expectativa é de mais crescimento. "Há uma perspectiva de melhores preços internacionais, safra mais volumosa e melhoria de renda para o produtor." As informações são de O Estado de S.Paulo/Suplemento Agrícola.
Pin It

Notícias por Ano