cabecalho apta130219

Dia do Viveirista discute ações para combater o Greening, maior desafio da citricultura

“Muda: a base para uma citricultura sadia” é o tema do XV Dia do Viveirista que acontece na quinta-feira (dia 13 de agosto) em Cordeirópolis (SP). O evento é promovido pelo Centro de Citros Sylvio Moreira do Instituto Agronômico (IAC-APTA), vinculado à Secretaria de Agricultura e Abastecimento, em parceria com a Organização Paulista de Viveiros de Mudas Cítricas (Vivecitros).
Durante a programação, renomados profissionais que atuam no setor vão abordar aspectos importantes para enfrentar o Greening (Huanglongbing), que é considerado o maior desafio da citricultura paulista e brasileira, de acordo com os coordenadores do evento. Esses aspectos são os custos de produção, a formação de preços da laranja, a situação da doença no Estado de São Paulo e o impacto da produção de mudas sadias na formação do pomar.
Em palestra durante a 31ª Semana da Citricultura em junho último, a engenheira agrônoma Geyza Josefina Pala Ruiz (da Coordenadoria de Defesa Agropecuária – CDA) informou que existiam 579 viveiros cadastrados, o que correspondia à produção de 17 milhões de mudas.
Durante o XV Dia do Viveirista, acontecerá ainda a “Feira de Exposição de Produtos e Serviços”, oferecidos ao setor de produção de mudas. Também será realizada a entrega do “Prêmio Vivecitrus 2009”.
O evento, coordenado pelos pesquisadores Sérgio Alves de Carvalho, José Dagoberto De Negri e Jorgino Pompeu Junior, é destinado a viveiristas, agrônomos, pesquisadores, estudantes e outros interessados no assunto.
SERVIÇO:
“XV Dia do Viveirista”
Data: 13 de agosto, a partir das 8h30
Local: Centro de Citros Sylvio Moreira IAC-APTA-SAA – Rodovia Anhanguera, km 158 – Cordeirópolis – SP
Informações: (19) 3546-1399 ou e-mail evento@centrodecitricultura.br
Link: programação completa 
Assessoria de Comunicação da APTA
José Venâncio de Resende
(11) 5067-0424

Acompanhe a Secretaria de Agricultura pelo Twitter

 


 
     

Pin It

Notícias por Ano