cabecalho apta130219

Curso de fabricação de achocolatado é promovido pelo ITAL

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, por meio do Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL), realizou em Campinas, o curso “Achocolatado em Pó: Melhoria de Solubilidade e Propriedades de Avaliação”, em 25 e 26 de outubro. A formação, que tem abordagem teórica e prática, apresentou técnicas de avaliação e para a melhoria da qualidade da solubilidade e de ingredientes do produto.
Com uma abordagem tecnológica e linguagem gastronômica, a produção e as tendências dos achocolatados em pó foram apresentadas durante o Curso do ITAL, coordenado pelos pesquisadores do Cereal Chocotec do ITAL, Valdecir Luccas e Fernanda Zaratini Vissoto.
“O setor de Bakery & Confectionary no Brasil carece de alimentos inovadores e que apresentem não só características nutricionais, como também benefícios à saúde de uma forma mais concreta. O curso abordou essa questão e também apresentou alternativas de ingredientes mais saudáveis na linha de Bakery & Confectionery, atualmente uma grande preocupação do consumidor”, explicou Luccas.
“O Cereal Chocotec do ITAL é a única instituição a oferecer, de forma reunida e abrangente, transferência de tecnologia neste setor que é tão expressivo na economia do Brasil, que ocupa a terceira posição na produção mundial de balas e confeitos, a mesma colocação na produção de chocolates e é o vice-líder mundial na produção de biscoito”, finalizou Fernanda.
O secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Arnaldo Jardim, destacou que o Brasil é o terceiro maior produtor de chocolates do mundo. Em consumo, o País está em quarto lugar, com 2,2 quilos de chocolate consumidos por pessoa ao ano.
“A importância de oferecer um treinamento para o desenvolvimento de produtos que utilizem este ingrediente representa uma contribuição para o crescimento de empresas, produtores e consumidores que buscam um produto de alta qualidade. O reflexo é um país mais competitivo e com produtos que têm um valor agregado maior”, explicou o secretário.
Para saber mais sobre o Cereal Chocotec do ITAL acesse o site http://www.ital.sp.gov.br/cerealchocotec/

Pin It

Notícias por Ano