cabecalho apta130219

Cinco estados fazem do Brasil segundo exportador mundial de carne de peru

Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina foram os estados onde o peru se destacou. Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Nesses cinco estados a carne de peru esteve, em 2006, entre os 100 principais produtos exportados. Em alguns deles, com grande relevância. Por exemplo, em 29º lugar em Santa Catarina; ou em 24º lugar no Paraná, onde a venda de industrializados de peru para o mercado externo superou a venda de industrializados de frango (40º lugar na pauta exportadora do estado, com US$44,4 milhões de receita e 19,5 mil toneladas de volume). Aliás, o grande detalhe a ressaltar na exportação de carne de peru é a alta participação dos industrializados no resultado global. Assim, enquanto os industrializados de frango responderam, no ano passado, por menos de 5% do volume exportado (127,2 mil toneladas de um total de 2,713 milhões de toneladas de carne de frango) e por pouco mais de 8% da receita global (US$280,8 milhões de um total de US$3,203 bilhões), os industrializados responderam por mais da metade da receita e do volume de carne de peru exportada. Naturalmente, a carne de peru representa pequena fração das exportações brasileiras de carnes de aves – apenas 7,5%. Ainda assim, o volume exportado é suficiente para fazer com que o Brasil responda (dados preliminares do USDA) por 27% do comércio mundial da carne de peru e se torne o segundo exportador mundial do produto, superando pela primeira vez aqueles que já foram também os líderes exportadores, os países integrantes da União Européia.
Pin It

Notícias por Ano