cabecalho apta130219

Agronegócio: saldo da Balança Comercial fecha em US$ 7,02 bi

Complexo sucroalcooleiro, soja, carnes e suco de laranja responderam por quase 70% das vendas externas setoriais. O destaque é a forte recuperação das vendas dos principais produtos da pauta de exportação paulista, com exceção da cana-de-açúcar.

Nos primeiros sete meses de 2018, as exportações do Estado de São Paulo somaram US$ 29,56 bilhões (21,7% do total nacional) e as importações US$ 35,02 bilhões (34,2% do total nacional). Em relação ao mesmo período de 2017, o valor das exportações paulistas cresceu 2% e o das importações 14,9%, elevando o déficit comercial para US$ 5,46 bilhões, informa Instituto de Economia Agrícola (IEA-APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.

No mesmo período, o agronegócio apresentou queda nas exportações (-9,1%), atingindo US$ 9,97 bilhões, enquanto as importações subiram (+4,2%), somando US$ 2,95 bilhões, reduzindo em 13,8% o saldo comercial em relação a 2017, registrando US$ 7,02 bilhões. Em julho, foi registrado um aumento de 5,7% nas exportações setoriais, em relação ao mês anterior, resultado do aumento expressivo do volume exportado do grupo de carnes (+204,2%), mesmo com redução de importantes grupos da pauta das exportações paulistas, complexo sucroalcooleiro (-6,8%) e complexo soja (-27,9%), de acordo com José Alberto Angelo, Carlos Nabil Ghobril e Marli Dias Mascarenhas Oliveira, pesquisadores do IEA. A comparação de julho de 2018 com julho de 2017 mostra queda de 3,3%.

De janeiro a julho de 2018, os principais grupos nas exportações do agronegócio foram: complexo sucroalcooleiro (US$ 2,94 bilhões), seguido do complexo soja (US$ 1,52 bilhão), carnes (US$ 1,26 bilhão), sucos (US$ 1,24 bilhão) e produtos florestais (US$ 1,06 bilhão). Esses cinco agregados representaram 80,4% das vendas externas setoriais paulistas.

Balança Comercial do Brasil

Nos sete primeiros meses de 2018, a balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 34,04 bilhões no período de janeiro a julho de 2018, com exportações de US$ 136,46 bilhões e importações de US$ 102,42 bilhões. As exportações do agronegócio brasileiro aumentaram 5% em relação no período, atingindo US$ 59,21 bilhões (43,4% do total). Já as importações do setor recuaram 0,6%, somando US$ 8,30 bilhões (8,1% do total). O superávit do agronegócio nesse período foi de US$ 50,91 bilhões, sendo 6% superior ao mesmo período do ano passado.

A participação paulista no total da balança comercial brasileira apresentou ligeira diminuição nas exportações (-1,2 ponto percentual) e nas importações (-2,1 pontos percentuais). Em relação ao agronegócio brasileiro, as exportações setoriais de São Paulo no período analisado representaram 16,8%, ou seja, 2,7 pontos percentuais inferior ao mesmo período de 2017, enquanto as importações representaram 35,5%, sendo 1,6 ponto percentual superior ao verificado nos sete primeiros meses de 2017.

Para ler o artigo na íntegra e consultar as tabelas e gráficos, clique aqui.

Por: Nara Guimarães

Mais informações
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo
(11) 5067-0069

Pin It

Notícias por Ano