cabecalho apta130219

Agronegócio: Balança comercial paulista fecha o semestre com superávit de us$ 5,87 bilhões

No primeiro semestre de 2014, as exportaçõesdo Estado de São Paulo somaram US$ 24,90 bilhões (22,5% do total nacional), e as importações, US$ 41,85 bilhões (37% do total nacional), registrando déficit de US$ 16,95 bilhões, informa o Instituto de Economia Agrícola (IEA/Apta) da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. O agronegócio paulista apresentou exportações decrescentes (-12,1%), atingindo US$ 8,90 bilhões. Como as importações aumentaram (+0,7%), somando US$ 3,03 bilhões, o saldo, de US$ 5,87 bilhões, foi 17,6% menor que o do primeiro semestre do ano de 2013.

José Roberto Vicente, pesquisador do IEA, destaca que as importações paulistas nos demais setores, excluindo o agronegócio, produziram um déficit de US$ 22,82 bilhões no período. Assim, “conclui-se que o comércio exterior paulista seria mais deficitário não fosse o desempenho do agronegócio estadual”.

Segundo o pesquisador, os cinco principais grupos nas exportações do agronegócio paulista, no primeiro semestre de 2014, foram complexo sucroalcooleiro (US$ 3,09 bilhões), carnes (US$ 1,23 bilhão, em que a carne bovina respondeu por 79,7%), complexo soja (US$ 1,09 bilhão), produtos florestais (US$ 869,74 milhões) e sucos (US$ 833,45 milhões, dos quais 98,0% referentes a sucos de laranja). Esses cinco agregados representaram 79,9% das vendas externas setoriais paulistas.

A balança comercial brasileira registrou déficit de US$ 2,49 bilhões no primeiro semestre de 2014, com exportações de US$ 110,53 bilhões e importações de US$ 113,02 bilhões. O decréscimo do déficit comercial (-19,2%) ocorreu em função de queda nas exportações (-3,4%) inferior à das importações (-3,8%).

Os cinco principais grupos do agronegócio brasileiro nas exportações do primeiro semestre de 2014 foram: complexo soja (US$ 20,20 bilhões); carnes (US$ 8,15 bilhões); produtos florestais (US$ 4,87 bilhões); complexo sucroalcooleiro (US$ 4,50 bilhões); e, café (US$ 2,91 bilhões). Esses cinco agregados responderam por 82,7% das vendas externas do agronegócio nacional.

Em relação ao agronegócio brasileiro, as exportações setoriais de São Paulo no primeiro semestre de 2014 representaram 18,1%, ou seja, menos 2,3% que em igual período de 2013.

 

Para ler o artigo na íntegra e conferir as tabelas, clique aqui.

 

Mais informações:

Nara Guimarães
Assessora de Imprensa
Tel: (11) 5067-0498
naraguimaraes@sp.gov.br
 

Pin It

Notícias por Ano